quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Mesas...Seus copos e taças...

Hoje vou mostrar várias mesas com seus lindos copos, e taças. Engraçado que sempre há uma maneira simples de dispor. Invistam em copos coloridos, pratos antigos, guardanapos e anéis de guardanapos, costumo sempre dizer o que, o pode durar mais que um prato e copo descartável vale apena investir.











Para quem ainda não tem um jogo de taças vale a pena investir nestes modelos abaixo:



Para Champanhe e Espumante, as taças indicadas são as em forma de tulipas, finas e relativamente altas.
Os vinhos brancos precisam de taças com mais volumes do que os vinhos brancos suaves, que precisam de taças estreitas que concentrem o volume.
Para os vinhos tintos com pouco tanino, se recomenda taças mais arredondadas e com uma abertura relativamente grande.
Já os vinhos com muito tanino, a taça deve ter a forma mais estreita.
Vinhos tintos encorpados, taças gordas e com uma abertura grande. Para que o vinho tenha muito contato com o ar.
E os vinhos de sobremesa, são indicados pequenos cálices para que acentuem o gosto desse vinho.



Pela beleza do conjunto e pelo lado prático, é bom evitar colocar um único copo ou cálice diante do convidado, ao menos em uma refeição social.



Eles devem ser dispostos em linha normal logo após o prato e na ordem crescente da direito para a esquerda, para maior facilidade de quem serve, o que deve ser feito pelo lado direito do comensal e nunca pelo esquerdo. Resumindo... Taças + Localização = Acima das facas.





Desses copos, o maior é usado para água, o médio para vinho tinto e o menor para vinho branco. NUNCA se leva um copo aos lábios, sem, anteriormente, enxugá-los com o guardanapo para que não fiquem impressos no vidro ou cristal sinais de gordura.
Agora é só preparar a lista de amigos, o menu, e pronto !!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário sempre será sempre bem vindo!